A pele perde a sua elasticidade com o passar do tempo, e alguns fatores podem deixar a pele ainda menos lisa, como rugas, cicatrizes de acne, manchas de sol e algumas tatuagens.

Para estes casos, existe a dermoabrasão, procedimento no qual a pele é esfoliada com uma lixa d’água ou com um instrumento abrasivo, removendo as camadas mais superficiais e deixando a região mais uniforme.

O tratamento tem uma duração média de duas horas por sessão, e o número de sessões a serem realizadas depende das características de cada lesão e paciente.

Como a pele foi raspada, é natural que haja vermelhidão no local, com o tempo de recuperação durando entre uma semana e 10 dias. Durante esse tempo, é necessário o uso de protetor solar fator 15 ou acima para que a exposição ao sol não seja nociva.